terça-feira, 26 de maio de 2015

SIMPROBAC realizará nova assembleia

Na próxima quinta-feira (28/05) os professores municipais de Barra do Choça se reúnem novamente em assembleia. O objetivo da mesma é avaliar a greve da Categoria e discutir as próximas ações do movimento.

Leia o edital de convocação:


SIMPROBAC solicita nova intervenção da Câmara de Vereadores para o reinício das negociações com o governo municipal

Na sessão da Câmara de Vereadores do dia 26 de maio, o SIMPROBAC solicitou nova intervenção do Poder Legislativo para o reinício das negociações entre os professores e o governo municipal.
Na oportunidade, a diretoria do SIMPROBAC esclareceu aos vereadores e demais presentes o andamento das discussões referentes as reivindicações da Categoria. Também esclareceu que, além da valorização profissional, os professores estão lutando por saúde, democracia nas escolas, pelo direito de aposentar de forma digna e pelo cumprimento de leis e acordos.
Afirmou ainda que a Categoria está disposta a encerrar a greve. No entanto, é necessário que o prefeito Oberdam se abra para negociação afim de chegarmos a um entendimento.
A Câmara reafirmou a importância do SIMPROBAC na luta pelos direitos dos professores e se colocou à disposição do Sindicato, se prontificando à solicitar o agendamento de uma reunião com o prefeito Oberdam afim de proporcionar o reinício das negociações.

domingo, 24 de maio de 2015

Conheça as razões da greve dos professores municipais de Barra do Choça

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Água de péssima qualidade e infraestrutura precária comprometem a saúde dos estudantes e a qualidade do ensino no Centro Educacional Jorge Delano

O CENTRO EDUCACIONAL PROFESSOR JORGE DELANO (CEPJD), escola da zona rural de Barra do Choça (Fazenda Pau Brasil), há muitos anos vem sofrendo com o descaso, completamente abandonada. Água insuficiente e de má qualidade, falta de infraestrutura, são alguns dos graves problemas vivenciados pela comunidade escolar.
A água que abastece a unidade de ensino provém de um poço (cisterna). Segundo informações da Direção da Escola, resíduos diversos são transportados para o referido poço através das chuvas, o que compromete a qualidade da água.
Mato e sujeira favorecem a procriação de ratos e demais insetos, e pode ser foco do mosquito Aedes Aegypti, transmissor do vírus da dengue. Dessa forma, comprometendo ainda mais, a qualidade da água servida aos estudantes.
Como se observa na foto acima, a água é “barrenta” e, como se percebe, imprópria para o consumo.

Há constante falta d’ água, pois o poço possui capacidade bastante limitada. Além de abastecer a escola, a cisterna, também, abastece a unidade de saúde que se encontra ao lado.
Atualmente, a escola está sendo precariamente abastecida por um caminhão pipa, pois a grande demanda levou a água do poço ao fim.
Segundo a Direção da Escola, o CEPJD necessita urgentemente de reforma no telhado, na fachada e em sua área de acesso, manutenção das redes elétrica e hidráulica, instalação de fechaduras nas portas, limpeza no seu redor.
Sobre o problema no telhado, fomos informados pela Direção que há a possibilidades de suspensão das aulas durante os períodos chuvosos, pois o elevado número de goteiras chega a inundar as salas.
Todas essas questões foram discutidas entre direção, coordenação, professores, estudantes, funcionários e pais de estudantes, o que levou a se cogitar até a paralisação das aulas.
Apesar dos inúmeros esforços da Direção através de reuniões com a comunidade e solicitações à Secretaria Municipal de Educação, os problemas não foram resolvidos. 
Também é importante esclarecer que o município recebe recursos específicos para reformas e manutenção de suas escolas, à exemplo do Salário Educação.

Enquanto o prefeito Oberdam e o Secretário de Educação Ricardo Amorim não tomam as devidas providências, a comunidade escolar do CEPJD continuará a sofrer com os seguintes problemas:
    ·   Comprometimento da saúde devido à insuficiência e a má qualidade da água;
    ·  Dificuldades para execução dos trabalhos escolares devido à precariedade da estrutura física da escola.

Este é apenas mais um dos casos existentes do descompromisso do Prefeito Oberdam com a Educação do Município de Barra do Choça.

SE É COM TRABALHO QUE SE CONSTRÓI UM MUNICÍPIO MELHOR, PREFEITO OBERDAM, ESTÁ NA HORA DE DEIXAR A PROPAGANDA DE LADO E, DE FATO, TRABALHAR!

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Por saúde, bem estar e valorização profissional, professores municipais de Barra do Choça entram em greve por tempo indeterminado
Em assembleia realizada na manhã desta quarta-feira (20/05), os professores municipais de Barra do Choça aprovaram a deflagração da greve por tempo indeterminado. A decisão ocorreu devido a indisposição do prefeito Oberdam em avançar nas negociações referentes às reivindicações dos professores.

O que os professores estão reivindicando:

·  Regularização dos repasses da contribuição da Previdência Social (INSS) dos profissionais da educação;
·  Licença para tratamento de saúde;
·  Eleições para coordenação pedagógica;
·  Formação para profissionais em LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais);
·  Gratificações para professores contratados;
·  Avaliação de desempenho dos profissionais da educação;
·  Reajuste salarial de 8,8 %.

O SIMPROBAC `se encontra à disposição do governo municipal para as negociações e da comunidade para maiores esclarecimentos.

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Assembleia votará a deflagração da greve dos professores

Na próxima quarta-feira (20/05), os Professores Municipais de Barra do Choça se reunirão em nova assembleia para votação da deflagração da greve da Categoria.
Apesar dos inúmeros esforços do SIMPROBAC no sentido de proporcionar avanços nas negociações, o prefeito Oberdam não apresentou propostas que atendam às necessidades dos professores. Desse modo, há uma grande expectativa dos docentes para a aprovação do movimento grevista.


Confira o edital de convocação:

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Professores municipais de Barra do Choça adiam deflagração da greve para a próxima semana 

Em assembleia realizada nesta quinta-feira (14/05), os professores municipais de Barra do Choça deliberaram pelo adiamento da deflagração da greve da Categoria para a próxima semana.
A decisão se deu pela necessidade do cumprimento de prazos legais em relação as publicações referentes ao indicativo de greve.
Uma nova assembleia foi agendada para a próxima quarta-feira (20/05), no turno matutino, para a aprovação da deflagração da greve.

A Categoria também aprovou a nova proposta para o reajuste salarial de 8,8% para ser apresentada ao governo municipal.